SR

SR

player

SE A RADIO NÃO TOCAR OU O PLAYER ESTIVER PARADO - CLICK AQUI PARA ABRIR O MINI PLAYER

Rota 33

Rota 33 A Radio do Rock

GMax

Para Cristiano, da dupla com Zé Neto, "A música sertaneja é a nova MPB".

Colecionando hits, cantor comenta sucesso da música sertaneja e lembra Cristiano Araújo: "Uma perda muito grande"

Não é novidade alguma que a música sertaneja é o gênero mais popular do País, mas nem todo mundo quer aceitar isso. Pelo menos é o que garante Cristiano, da dupla Zé Neto & Cristiano, uma das promissoras novas vozes do gênero.

Zé Neto & Cristiano comemoram o sucesso na internet - 
"A gente ainda sente muito preconceito de algumas pessoas", revelou o cantor em entrevista ao iG. "As pessoas têm dificuldade em aceitar que a música sertaneja é a nova MPB", resumiu o cantor, lembrando que o gênero é o mais ouvido no País e o que mais gera dinheiro na indústria musical brasileira.

Se o sertanejo é a nova MPB, Zé Neto & Cristiano estão prestes a ser os novos queridinhos do Brasil.

Com os hits "Te Amo", "Eu Ligo Pra Você" e o mais recente "Seu Polícia", a dupla tem crescido cada vez mais e anda fazendo barulho na internet: são quase 1 milhão de seguidores no Facebook e mais de 220 milhões de visualizações em seus vídeos no YouTube.

"A gente sonhava com isso, mas nunca imaginava que ia acontecer. Às vezes eu paro e falo 'olha onde a gente chegou, Zé'", admitiu Cristiano. Além do sucesso online, a dupla agora tem a música "Saudade da Minha Terra", regravação do clássico de Chitãozinho & Xororó, na trilha sonora da novela "Eta Mundo Bão!". "É uma vitrine muito boa", disse o músico, que confessou ser fã do folhetim da Globo.

Mas o sertanejo quer muito mais: ele acha que a dupla pode fazer ainda mais sucesso. "Nós estamos numa fase muito boa, mas o sucesso ainda está distante. Queremos consolidar nossa carreira como Chitãozinho & Xororó e outras bandas", projetou o cantor.

Conquistando espaço - 
Para isso, a dupla vai aos poucos quebrando barreiras. Uma delas foi a penetração em São Paulo. Natural de São José do Rio Preto, no interior do estado, o duo hoje vê na capital paulista um de seus principais mercados. "A gente sempre teve medo de não conquistar o público, toda capital é difícil", admitiu. "Mas é muito gratificante conseguir arrastar um público tão grande", afirmou o cantor.

Parte desse sucesso veio na onda de popularidade da música sertaneja. Por outro lado, o boom do sertanejo inspirou novos artistas a tentarem a sorte na música. Mas isso não incomoda Cristiano. "Espaço tem pra todo mundo, o sol nasceu pra todo mundo. Todo mercado tem concorrência, basta ter respeito", explicou o cantor.

Cristiano acredita que o sertanejo ainda sofre preconceito no Brasil, apesar da popularidade

O sertanejo não esconde que o faturamento de outros artistas do gênero inspira a dupla, mas garante que não é isso que move seu trabalho. "Todo mundo gosta de ganhar dinheiro, mas a gente trabalha por paixão, dinheiro é uma consequência", disse.

Apesar disso, ele não pode reclamar dos resultados da dupla, que não foi afetada pela crise. "Graças a Deus nossa agenda não foi afetada", comemorou Cristiano, que acredita que o mau momento econômico não deve prejudicar a indústria do entretenimento. "Estamos num mau momento, mas as pessoas ainda querem se divertir, querem sorrir", considerou.

Parceria com Cristiano Araújo - 
Outro espelho dos paulistas é Cristiano araújo. Antes de estourar em todo o Brasil, Zé Neto & Cristiano chegaram a gravar uma música com o cantor, morto no ano passado. Hoje, a dupla trabalha com o mesmo empresário que cuidou da carreira do sertanejo.

"A humilidade dele sempre inspirou todos os artistas", contou Cristiano. "Até hoje a gente sente a morte dele, é uma perda muito grande", lamentou.

Fonte: Caio Menezes , iG São Paulo

ACESSOS OUVINTES